Rali de Marrocos: Paulo Gonçalves é segundo na geral

Paulo Gonçalves
Paulo Gonçalves

Paulo Gonçalves (Honda) ascendeu ao segundo lugar na geral do Rali de Marrocos, depois de ter terminado o CP1 da segunda etapa da prova em 10.º lugar, a 6m39s de Adrien van Beveren (Yamaha), ficando a 6m46s de Matthias Walkner (KTM), que passou a liderar a prova.

Esta segunda etapa do Rali de Marrocos foi interrompida no final do CP1 devido às condições climatéricas adversas. A chuva forte que se abateu sobre a região acabou por encher os rios e torná-los completamente intransponíveis, obrigando a organização a interromper a prova ao fim dos primeiros 180 kms dos 364,5 previstos.

“Foi uma etapa muito difícil e com alguns problemas. Ao quilómetro 45 tínhamos de cruzar um rio e tive grandes dificuldades. Depois uma pedra rompeu-me o escape e fui obrigado a parar para arranjá-lo. Quando voltei a andar consegui entrar num bom ritmo para o final da prova mas acabei por cair e aleijar a mão direita", comentou Paulo Gonçalves, no final da etapa. "Depois quando já estava ao quilometro 170 a organização mandou parar a prova porque era muito difícil continuar", prosseguiu.

A prova prossegue este domingo, com a terceira e última etapa da derradeira jornada do Campeonato do Mundo de Cross Country, que será a mais longa do rali, entre Erfoud e o Erg Lihhoudi. Nesta etapa, os pilotos vão ter de cumprir dois sectores selectivos, um primeiro de 435,11 quilómetros e um segundo no total de 142,79 quilómetros.

Comentários

Veja mais