IMSA: Filipe Albuquerque é 4.º no Canadá e perde a liderança do campeonato

  • Redação Autoportal
Filipe Albuquerque
Filipe Albuquerque

Filipe Albuquerque e Christian Fittipaldi estiveram em plano de destaque no Canadá onde decorreu mais uma ronda do IMSA SportsCar Championship. O piloto português que fez equipa com o brasileiro, já que João Barbosa continua a recuperar de uma lesão, arrancaram da 11ª posição da grelha e antevia-se uma corrida complicada para o Cadillac da Action Express Racing a sofrer com falta de velocidade de ponta.

No entanto, Albuquerque que chegou a ocupar na última posição entre os protótipos, depois um 'pit-stop' menos favorável, não se deu por vencido recuperou várias posições em pista e outras tantas graças a uma boa estratégia da equipa na gestão das paragens nas boxes, acabando por terminar a corrida no quarto lugar.

Um resultado conseguido com muita luta e determinação mas que não permite ao piloto português manter a liderança no campeonato, acabando por descer para o segundo lugar a apenas um ponto do líder: "Estou muito contente com o meu trabalho e com a corrida que fiz. Foi perfeita, não cometi um único erro e fiz tudo o que estava ao meu alcance com as condições que tinha. Infelizmente não tínhamos velocidade de ponta que nos permitisse ter vantagem nas rectas. Mas a equipa fez um excelente trabalho ao nível da estratégia e conseguimos ganhar posições jogando com isso. Termino a prova com o sentimento de dever cumprido", afirmou Filipe Albuquerque no final da corrida de Toronto.

Apesar de ter perdido a liderança do campeonato, Albuquerque está confiante. “Estamos a apenas um ponto do líder, mas ainda há muito campeonato. Nada está perdido e continuamos na luta como se pôde comprovar nesta ronda do Canadá".

A próxima prova do IMSA está marcada 4 e 5 de agosto em Road America.

Comentários

Veja mais