Rampa da Serra da Estrela quer regressar ao Europeu de Montanha

  • Redação Autoportal
Rampa da Serra da Estrela 2017
Rampa da Serra da Estrela 2017

A Rampa da Serra da Estrela, que se realiza nos dias 02 e 03 de junho, vai ser candidatada no próximo ano ao Campeonato Europeu de Montanha de automobilismo, anunciou hoje o presidente da Câmara da Covilhã.

O autarca, Vítor Pereira, que falava na apresentação da terceira etapa do Campeonato Nacional de Montanha, revelou que estar a ser feito um estudo exaustivo e que a candidatura está a ser preparada para a apresentar em 2019 à Federação Internacional de Automobilismo (FIA), com a expectativa de que em 2020 a prova volte a fazer parte do calendário internacional.

"A nossa candidatura é legítima, é justa, até porque temos, passe a imodéstia, o melhor percurso, o melhor traçado de rampas no nosso país. Temos condições inigualáveis, que fazem com que a nossa rampa tenha essa legítima ambição", sublinha o edil socialista, que acentua ser "uma esperança, não uma certeza".

O primeiro passo com vista a esse objetivo já foi dado, que foi alargar em 300 metros o percurso, para perfazer os cinco quilómetros mínimos exigidos nas pistas do Campeonato Europeu.

Vítor Pereira acrescentou ainda que é também fundamental "uma requalificação do piso", que considera não estar "nas melhores condições", assim como fazer um investimento em rails de proteção. Nesse sentido, acrescentou que vai sensibilizar a Infraestruturas de Portugal para o assunto.

Nuno Loureiro, presidente do CAMI - Clube de Montanha do Minho, entidade organizadora da prova, assume que a tarefa de voltar fazer da Rampa da Serra da Estrela uma competição internacional "não é fácil". O dirigente acentua ser necessário criar as condições e sensibilizar os agentes envolvidos, nomeadamente a FIA. "É preciso influenciar, para que as coisas aconteçam".

O responsável pela organização acrescenta ser também importante fazer "melhor do que os outros" e assume: "Os outros podem ser muito bons. Nós temos de ser top. Só assim será possível. Temos tudo preparado para desportivamente ser uma prova de eleição já este ano”.

A Rampa da Serra da Estrela, com um orçamento de 35 mil euros, 27 mil e 500 euros suportados pela Câmara Municipal da Covilhã, conta com cerca de 40 pilotos e mais alguns participantes locais.

Recorde-se que a Rampa da Serra da Estrela, até então promovida pelo Automóvel Clube Português, fez parte do circuito europeu até 2010, quando deixou de se realizar por motivos financeiros. Desde 2013 que a competição de automobilismo voltou a ser realizada e integrada no Campeonato Nacional.

À entrada para a terceira etapa do Nacional de Montanha, Rui Ramalho é o líder do campeonato.

Comentários

Veja mais