MotoGP: Jorge Lorenzo arrasa em Mugello

  • Redação Autoportal
Jorge Lorenzo (Lusa)
Jorge Lorenzo (Lusa)

Jorge Lorenzo alcançou este domingo a sua primeira vitória ao serviço da Ducati numa corrida que liderou de inicio a fim.

O piloto espanhol que saiu do segundo lugar da grelha de partida assumiu o comando da corrida logo na primeira curva, ao surpreender Valentino Rossi que saindo da pole position não conseguiu travar Lorenzo que realizou uma inicio de corrida notável.

Na terceira posição surgia então Marc Márquez que depois de ter largado do sexto lugar da grelha, rapidamente chegou à frente da corrida.

Contudo o líder do mundial não tardou em despachar-se de Rossi e subir à segunda posição colando em Lorenzo que tudo tentava para fugir aos seus adversários o mais rapidamente possível

As primeiras voltas do GP de Itália foram no entanto marcada por várias quedas que deixaram cinco pilotos fora da corrida. Dani Pedrosa, Scott Redding e Karel Abraham caíram logo na primeira volta. Depois seguiram-se Jack Miller e Thomas Luthi.

No entanto o golpe de teatro surgiu à passagem da quarta das 23 voltas da prova, quando Marc Márquez sofreu uma queda na curva 10, numa altura em que estava na roda de Jorge Lorenzo e deixando assim Valentino Rossi na segunda posição a contas com Andrea Iannone que rapidamente ultrapassou o italiano da Yamaha.

Com Lorenzo a ganhar tempo para os seus mais diretos adversários volta após volta, foi Andrea Dovizioso que surgiu em cena ao conseguir subir de quinto para segundo posto, ultrapassando Petrucci, Rossi e Iannone, para rapidamente procurar chegar à roda de Lorenzo.

Dovzioso mostrava-se no entanto mais lento que o seu companheiro de equipa que não parecia disposto a deixar fugir a vitória nesta sexta ronda do campeonato.

A luta pela terceira posição era agora a três com Petrucci a levar vantagem, o que fez sonhar os adeptos da Ducati a meio da corrida com um pódio totalmente com as cores da marca de Borgo Panigale.

Contudo Petrucci acabou por pagar a fatura do desgaste dos pneus e permitiu que a luta pelo lugar mais baixo do pódio ficasse entregue a Rossi, Iannone e Rins.

Na frente, Jorge Lorenzo vencia com autoridade e relegava Andrea Dovizioso para o segundo lugar a 6,630s, com Rossi a fechar o pódio ao terminar a 6,629s de Lorenzo, após um intenso duelo com Andrea Iannone.

Com estes resultados, Marc Márquez, apesar de ter terminado o GP de Itália fora dos pontos mantém a liderança do campeonato com 95 pontos, Valentino Rossi é agora segundo com 72 e Maverick Viñales desce a terceiro com 67 e Andrea Dovizioso ascendeu ao quinto posto com 66 pontos

Filme da corrida.

 

 

 

Comentários

Veja mais