GP do Canadá: Verstappen mantém-se inalcançável

  • Redação Autoportal
Max Verstappen
Max Verstappen

Max Verstappen voltou a ser o piloto mais rápido na segunda sessão de Treinos Livres desta sexta-feira para o GP do Canadá de Fórmula 1 que terá lugar no domingo.

O piloto holandês depois de ter sido o mais rápido no TL1, acabou por melhorar o seu tempo no TL2 e liderou a tabela de tempos, com uma volta ao Circuito Gilles Villeneuve em 1m12.198s.

O piloto da Red Bull deixou Kimi Raikkonen (Ferrari) a 0,130s com o segundo melhor registo, enquanto Daniel Ricciardo terminou a 0,405s do seu companheiro de equipa.

Ricciardo que passou muito tempo nas boxes devido a um problema com o seu Red Bull saiu para a pista a 20 minutos do final desta segunda sessão de treinos livres, a tempo de realizar a terceira melhor marca da sessão.

Os três mais rápidos desta TL2 fizeram uso de pneus hipermacios, ao contrario de Lewis Hamilton que fez uso de pneus ultramacios para alcançar po quarto melhor tempo a pouco mais de meio segundo do topo da tabelas de tempos.

De referir que a Hamilton não conseguiu melhorar o seu tempo, apesar de ter montando pneus hipermacios no seu Mercedes.

Nota ainda para Sebastian Vettel que nesta segunda sessão de treinos livres não conseguiu melhor que o quinto melhor tempo, apesar de ter utilizado os pneus hipermacios.

Esta segunda sessão de treinos livres ficou marcada pelo acidente de Carlos Sainz, logo no inicio da TL2, com o espanhol a embater no muro da curva 7 com o seu Renault, o que levou à amostragem da bandeira vermelha. O piloto espanhol terminou assim mais cedo a derradeira sessão de treinos livres desta sexta-feira.

Mais tarde foi a vez de e Stoffel Vandoorne embater no muro e danificar a suspensão do seu McLaren, e terminando também mais cedo a TL2.

O GP do Canadá prossegue no sábado com os TL3 e qualificação. Confira os horários do fim de semana.

Tempos dos TL2 do GP do Canadá:

VEJA TAMBÉM:

Comentários

Veja mais