Sebastian Vettel: “A Ferrari tem três problemas para resolver”

  • Redação Autoportal
Sebastian Vettel (Reuters)
Sebastian Vettel (Reuters)

Lewis Hamilton e Valtteri Bottas deram à Mercedes a primeira dobradinha da temporada no GP de Espanha no último fim-de-semana.

Fora do pódio da prova de Barcelona ficou Sebastian Vettel, enquanto o seu companheiro de equipa na Ferrari, Kimi Raikkonen abandonou cedo a corrida devido a problemas com o motor.

O piloto alemão que está agora a 17 pontos do líder do mundial sublinhou que no circuito de Barcelona-Cataluha, "não fomos rápidos o suficiente. E se não somos capazes de ver isso, então estamos mais do que cegos, porque não tivemos ritmo no primeiro período da corrida. Segundo, acho que tivemos um pouco de dificuldade ao longo de todo o fim-de-semana com os pneus”, sublinhou Sebastian Vettel aos jornalistas durante os testes de dois dias realizados em Barcelona e que terminaram esta quarta-feira.

Vettel que reconheceu que os pneus mudaram para todos acrescentou ainda que o terceiro ponto que tem de ser alterado é o da fiabilidade. “Acho que no GP de Espanha tivemos um fim-de-semana ruim em termos de fiabilidade. O Kimi conheceu problemas com o motor e, obviamente, acabou por abandonar.  Se não ultrapassarmos estes três aspectos, não vamos ter desculpas”.

Sebastian Vettel considera que a Ferrari não se pode deixar levar pelos problemas que afetaram a equipa no GP de Espanha. "Eu já referi muitas vezes que esta equipa é muito forte e temos muito potencial, mas acho que também precisamos de abordar os problemas que temos. Não tivemos um bom dia, mas agora é importante saber qual a razão e o que precisamos para as próximas corridas” acrescentou o piloto alemão da Ferrari.

 

Comentários

Veja mais