Rali Atacama: Paulo Gonçalves termina na sexta posição

Paulo Gonçalves
Paulo Gonçalves

O piloto português Paulo Gonçalves, aos comandos de uma Honda, terminou no sexto lugar o Rali Atacama, no Chile, terceira prova do Mundial de todo-o-terreno, que teve como vencedor na categoria de motos o argentino Kevin Benavides, também em Honda.

Paulo Gonçalves terminou no quinto posto a derradeira tirada do rali chileno, de consagração para Kevin Benavides, que durante a prova alternou a liderança com Pablo Quintanilla (Husqvarna), que acabou afastado da luta pela vitória na penúltima etapa devido a um erro de navegação que o fez perder muito tempo.

"Terminamos uma corrida muito competitiva. Depois de quatro meses sem correr, foi difícil manter o ritmo, mas passei de menos para mais. Cheguei ao ritmo máximo nos últimos dias. A moto esteve perfeita e a equipa trabalhou muito bem e quero felicitar o vencedor da corrida, o  Kevin Benavides, que fez um excelente trabalho. Espero agora começar a próxima corrida com o mesmo ritmo que terminei o Rali Atacama", afirmou Paulo Gonçalves no final da prova.

O segundo lugar da prova  acabou assim nas mãos de Robt Price (KTM) a 4m25s de Benavides, enquanto Pablo Quintanilla foi terceiro a 6m27s

A fechar o top cinco desta edição do Rali Atacama, Mathias Walkner (KTM) que foi quarto a 10m21s do vencedor, na frente de Franco Cami (Yamaha) a 22m47s do topo da classificação.

Já o português Joaquim Rodrigues (Hero), terminou o Rali Atacama no 18.º lugar, subindo um posto da geral na derradeira etapa com 154,94 kms cronometradas.

Comentários

Veja mais