F1: Fernando Alonso surpreendido com o 8.º lugar na Áustria

  • Redação Autoportal
Fernando Alonso (Lusa)
Fernando Alonso (Lusa)

Fernando Alonso já viveu dias mais fáceis na McLaren, mas no último GP da Áustria, conseguiu chegar aos pontos que escapavam desde o GP de Espanha.

Alonso não teve vida fácil na Áustria, já que arrancou da via das boxes, depois de a McLaren ter quebrado as regras do parque fechado. A equipa teve de substituir a asa dianteira do carro do espanhol em sequência de danos provocados na Qualificação. Esta situação acabou por fazer com que o piloto espanhol tenha rodado nas voltas inaugurais da corrida no final do pelotão com poucos argumentos para conseguir despachar-se dos seus rivais.

Contudo Fernando Alonso recuperou 12 lugares e acabou por terminar no oitavo lugar, o que deixou o piloto da McLaren surpreendido. “Estou muito feliz, não esperávamos pontuar, e acabou por ser uma boa surpresa. Foi uma corrida estranha. Parti da via das boxes, e nas primeiras voltas estava no 19.º lugar sem conseguir rodar ao meu ritmo. Para além disso a asa dianteira que usámos no carro foi a do ano passado, e não sabíamos qual seria o seu comportamento”.

Fernando Alonso explicou ainda que a gestão dos pneus ao longo da corrida foi determinante para alcançar o oitavo posto. “A corrida foi verdadeiramente caótica.  As temperaturas da pista provocaram uma degradação elevada dos pneus a todos os pilotos, mas consegui gerir da melhor forma essa situação.Já a conquista de pontos foi uma boa recompensa mas temos que continuar a melhorar. A próxima ronda do campeonato é a nossa corrida e em Silverstone temos de ser mais competitivos”.

Comentários

Veja mais