Miguel Oliveira: "Eu sabia que tinha de fazer uma boa largada"

  • Redação Autoportal
VÍDEO: Miguel Oliveira é a nova estrela em Moto2

Miguel Oliveira realizou uma prestação notável da sexta ronda do Campeonato do Mundo de Moto2, o GP de Itália, ao vencer a corrida de Mugello, onde em 2015 alcançou a sua primeira vitória com a KTM em Moto3.

O piloto português da KTM Ajo, que foi do inferno ao céu durante o fim de semana, depois de ter alcançado o 11.º lugar na qualificação, acabou por realizar uma excelente largada e no final da primeira volta já estava no terceiro lugar da corrida.

Depois de se apanhar entre os primeiros, o piloto português não largou mais os lugares do pódio onde lutou, primeiro com Mattia Pasini e depois com Lorenzo Baldassari, com quem travou uma intensa batalha até à bandeira de xadrez.

“Ao partir da quarta linha da grelha eu sabia que tinha de fazer uma boa largada. Puxei forte na primeira volta, e pouco depois estava em terceiro. O Pasini estava muito rápido nas primeiras voltas mas percebi que tinha oportunidade de vencer e, simplesmente, decidi apertar o ritmo. O Baldassari também esteve muito bem, e tive de lutar com ele até à última volta. Foi uma batalha espetacular e muito divertida”, afirmou Miguel Oliveira no final da corrida.

O piloto português não escondeu que este foi um fim de semana de muito trabalho para a sua equipa. “Tivemos de mudar a moto completamente da TL3 para a qualificação, mas no final, tudo correu bem e tenho de agradecer à minha equipa pelo duro trabalho que tiveram”.

VEJA TAMBÉM:

Comentários

Veja mais