Miguel Oliveira: “Vamos ter uma corrida difícil por causa dos pneus”

  • Redação Autoportal
Miguel Oliveira
Miguel Oliveira

Apesar de o fim-de-semana do Grande Prémio de França não ser o mais fácil da temporada até ao momento, Miguel Oliveira conseguiu, no entanto, obter um resultado positivo na qualificação de Le Mans. O piloto português registou a sua melhor marca nos 1m36,976s, o que lhe garante sair domingo da quarta linha de grelha para a corrida no traçado francês.

Miguel Oliveira usou a FP3 para testar soluções para resolver alguns problemas encontrados na sexta-feira, e fez dois pit stops. Os minutos finais viram o piloto de Almada progredir para o décimo quarto lugar.

Na sessão de qualificação, o piloto português da Red Bull KTM Ajo tentou tirar o máximo partido do seu novo set de pneus e das alterações efetuadas ao alinhamento da sua moto e terminou com o 10.º tempo mais rápido.

O piloto português reconheceu no final que viveu algumas dificuldades em encontrar uma afinação adequada para a sua KTM.  “Esta manhã tivemos uma terceira sessão de treinos livres difícil. Isso ajudou no entanto a entender a razão que nos impedia de andar mais; Eu não tinha confiança no travão da frente na entrada das curvas", lembrou Miguel Oliveira

Apesar dos problemas com o travão da frente, Oliveira não escondeu que conseguiu ultrapassar a situação. " No final, conseguimos resolver esse problema e, pelo menos, melhorámos o meu sentimento na moto. Tivemos uma sessão de qualificação consistente. Contudo nos últimos momentos da sessão apanhei alguns pilotos em pista mais lentos o que acabou por atrapalhar uma volta rápida”.

O piloto português sabe que não vai ter uma tarefa fácil num circuito onde nunca foi além do oitavo lugar. “Começar da quarta linha um Grande Prémio que sabíamos que seria muito difícil deixa-me satisfeito. Vamos tentar arrecadar o máximo de pontos possível na corrida de domingo. Será uma corrida difícil, já que não sabemos o que vai acontecer com os pneus porque eles sofrem um desgaste muito rápido. Espero que tudo corra bem”, acrescentou o piloto da KTM Ajo.

Comentários

Veja mais