Miguel Oliveira vence o GP da Rep. Checa e assume comando do Mundial

  • Redação Autoportal
Miguel Oliveira (Lusa)
Miguel Oliveira (Lusa)

Numa corrida imprópria para cardíacos, Miguel Oliveira conquistou este domingo a sua segunda vitória da temporada, ao vencer  GP da República Checa, 10.ª ronda do Mundial de Moto2.

O piloto português que saiu do quarto lugar da grelha esteve na luta pela vitória deste o inicio, rodando logo após a largada na terceira posição.

Luca Marini, que largou da pole position,  realizou um excelente arranque e assumiu o comando da corrida levando na sua roda o Álex Márquez .

Na volta seguinte, Francesco Bagnaia entrou na luta pela vitória ao passar de uma assentada de quarto para segundo, ultrapassando, Miguel Oliveira e Márquez.

A luta pelos cinco lugares da frente estava bastante animada e Mattia Pasini vindo de trás ultrapassava Álex Márquez enquanto que Miguel Oliveira despachava-se de Bagnaia, para assumir o segundo lugar na roda de Luca Marini. Pouco tempo depois, Oliveira saltou para a liderança da corrida e detinha, nesta fase, a liderança provisória do mundial.

Contudo, esta liderança não durou muito tempo já que Marini respondeu e ultrapassou o piloto português. No entanto Miguel Oliveira revelava um andamento forte e não tardou a responder ao italiano. Já Francesco Bagnaia assistia de perto ao duelo entre o seu companheiro de equipa e Oliveira pela liderança da corrida.

A luta entre os dois da frente permitiu a Álex Márquez juntar-se aos três da frente, numa altura em que Lorenzo Baldassarri, que largou da 10.ª posição da grelha, começava a escalar posições.

A 11 voltas do final da corrida, na última curva do circuito de Brno, Álex Márquez perdeu a frente da sua Kalex, numa altura em que tinha acabado de ultrapassar Miguel Oliveira e ficava fora da corrida. Foi o segundo abandono da temporada para o piloto espanhol

Na liderança da corrida estava agora Bagnaia, Marini era segundo e Miguel Oliveira terceiro e tinha atrás de si Lorenzo Baldassarri.

A sete voltas do fim, Baldassarri ultrapassou Miguel Oliveira e logo depois a dupla da Sky Racing e colocou-se na liderança da corrida, com Oliveira a responder e acompanhar o piloto da Pons Racing, ultrapassando Marini que era terceiro e Bagnaia que caiu para a quarta posição.

A liderança de Baldassarri não durou muito já que a quatro voltas do final Oliveira passou a liderar a corrida com Luca Marini na sua roda e Baldassari a cair para terceiro.

As três voltas finais foram de fortes emoções, com Oliveira a aguentar os ataques de Luca Marini, que na última volta assumiu mesmo o comando da corrida. Contudo Miguel Oliveira respondeu de uma forma brilhante a todos os ataques do italiano e conquistou assim a segunda vitória da temporada e relegando os dois pilotos da Sky Racing para a segunda e terceira posições do pódio.

Com estes resultados Miguel Oliveira é o novo líder do Campeonato do Mundo de Moto2 com 116 pontos, mais dois do que Francesco Bagnaia que ocupa agora a segunda posição, enquanto Álex Márquez é terceiro com 113 pontos.

Classificação final do GP da República Checa de Moto2

Filme da corrida.

 

Comentários

Veja mais