Lorenzo em equipa satélite da Yamaha em 2019? "Pode acontecer"

  • Redação Autoportal
Lin Jarvis
Lin Jarvis

O futuro de Jorge Lorenzo continua a ser uma incógnita e a cada dia que passa o piloto espanhol parece estar cada vez mais longe de renovar a sua ligação à Ducati.

Nas últimas semanas o piloto espanhol tem sido apontado à Suzuki, mas  recentemente ganhou força a possibilidade de Jorge Lorenzo regressar à Yamaha em 2019.

Depois de Valentino Rossi e Maverick Viñales terem renovado a sua ligação à equipa nipónica por mais dois anos, a possibilidade de Jorge Lorenzo pode vir a ter de passar pela futura equipa satélite da Yamaha que deverá ser a Marc VDS.

Lin Jarvis, homem forte da equipa de MotoGP da Yamaha, em entrevista à «Sky Itália» já veio revelar que a possibilidade existe. “Lorenzo ainda está ligado à Ducati. Vamos esperar para ver o que acontece, mas se me perguntassem há quatro semanas, eu tinha a certeza de que ele iria para a Suzuki, mas parece que não vai acontecer”.

O responsável da Yamaha revelou ainda que o tricampeão do mundo de MotoGP está numa posição difícil. “Lorenzo está habituado a ser um piloto de fábrica e ocupar um lugar numa equipa satélite é muito diferente. Pode acontecer.”

VEJA TAMBÉM:

Comentários

Veja mais