Valentino Rossi: “Terminar o campeonato no 4.º lugar pode ser uma realidade”

  • Redação Autoportal
Valentino Rossi
Valentino Rossi

Valentino Rossi ocupa a segunda posição do Campeonato do Mundo de MotoGP a 59 pontos de Marc Márquez que é o líder, e quando faltam oito rondas para o final da temporada, o italiano da Yamaha não se mostra muito otimista face às corridas que faltam disputar.

A queda de competitividade da Yamaha registada no último GP da Áustria, deixou os pilotos da Yamaha à beira de um ataque de nervos e Rossi viu o terceiro classificado do campeonato, que é agora Jorge Lorenzo, ficar a 12 pontos da segunda posição, enquanto Andrea Dovizioso é quarto a 13 pontos do italiano da Yamaha.

O nove vezes campeão do mundo acredita que o mau desempenho da Yamaha na Áustria não será repetido na próxima semana no GP da Grã-Bretanha, em Silverstone, mas Rossi admite que as últimas vitórias dos pilotos da Ducati mostraram que as motos de Borgo Panigale são superiores à Yamaha nesta fase da temporada.

“Realisticamente, acho que as Ducatis vão conseguir chegar ao segundo lugar do campeonato, porque estão mais perto de mim nos pontos e tanto Lorenzo como Dovizioso estão muito rápidos”, afirmou Rossi.

O italiano da Yamaha reconhece que a tarefa não será fácil até ao final da temporada. “Seria bom lutar pelo pódio em quase todas as pistas, mas tanto Lorenzo, como Dovizioso e Márquez estão mais rápidos, e será difícil estarmos na luta pelo pódio nas corridas que faltam. Mas temos que tentar e espero que nas próximas corridas, possamos estar mais perto”.

Em Silverstone, Valentino Rossi acredita que o resultado final não será tão mau quanto o de Red Bull Ring. "Podemos ser rápidos, mas precisamos ver se Márquez e as Ducatis estão mais rápidos do que foram no ano passado".

Antes do GP da Grã-Bretanha agendado já o próximo dia 26 de agosto, Valentino Rossi e Maverick Viñales, vão realizar um teste com a Yamaha no próximo domingo no Circuito de Misano. 

VEJA TAMBÉM:

Comentários

Veja mais