Dakar 2018: Sainz vence etapa que trouxe sarilhos a Peterhansel

Carlos Sainz salta para a liderança do Dakar
Carlos Sainz salta para a liderança do Dakar
partilha

Carlos Sainz (Peugeot) é o vencedor da sétima etapa do Dakar. A tirada que ligou La Paz a Uyuni reservou muitas surpresas, sobretudo para Stéphane Peterhansel (Peugeot). O até então líder do Dakar em automóveis parou no quilómetro 186 da especial devido a um problema mecânico (um triângulo de suspensão e um amortecedor danificados) provocado por um acidente que teria origem numa pedra e tal resultou numa enorme perda de tempo: quase duas horas de diferença para Sainz.

Azar para Peterhansel que ainda contou com a ajuda do companheiro de equipa Cyril Despres (Peugeot), numa fase em que o Dakar passa pela primeira parte da etapa maratona. Ou seja, não há assistência ao fim do dia. O francês perde a liderança da geral e cai para o terceiro posto.

Atrás de Sainz, apareceram os Toyota de Giniel de Villiers e Nasser Al-Alttiyah. 

Além de assumir a liderança da prova, o espanhol permanece como o único Peugeot estável na prova e aumentar a vantagem doravante graças ao tipo de piso que esta segunda metade de Dakar reserva. Infelizmente, as fortes chuvas que caem na região boliviana prometem complicar as contas.

Classificação Geral

 

Comentários

Veja mais