CPR: Hyundai apresenta Armindo Araújo e Carlos Vieira ao ataque do título

  • Redação Autoportal
Armindo Araújo e Luís Ramalho - Team Hyundai Portugal
Armindo Araújo e Luís Ramalho - Team Hyundai Portugal

A Hyundai Portugal apresentou oficialmente nesta quinta-feira Armindo Araújo e Carlos Vieira como os pilotos da equipa oficial da marca que tem como objetivo o vencer Campeonato de Portugal de Ralis.

Afastado da competição desde 2012, Armindo Araújo, tetracampeão nacional de ralis e bicampeão do mundo do agrupamento de produção, regressa para tentar recuperar o título, enquanto Carlos Vieira tentará revalidar o cetro conquistado em 2017.

"Este é um regresso com algumas premissas. Desde logo, coloquei como essencial que só voltaria com um apoio com valores de vitória, e surgiu este desafio da Hyundai", disse Armindo Araújo citado pela agência Lusa.

Nesta apresentação que decorreu numa unidade hoteleira em Cascais, o piloto de Santo Tirso destacou que partilha com a Hyundai "objetivos comuns" e tem uma "ambição muito grande", também por causa dos cinco anos de paragem.

Depois de ter conquistado quatro títulos nacionais (2003, 2004, 2005 e 2006) e dois no mundial de produção (2009 e 2010), Armindo Araújo afastou-se no final da temporada de 2012, regressando neste ano à competição.

O tetracampeão disse estar consciente das dificuldades que vai encontrar neste regresso depois de uma paragem de cinco anos, mas que parte com "motivação” e “vontade de vencer".

Igual ambição mostrou Carlos Vieira, que se revelou orgulhoso por fazer parte da equipa Hyundai e por ter Armindo Araújo como companheiro, mas alertando que esse facto apenas aumentará a sua ambição de vencer.

"É um grande orgulho estar agora na Hyundai, ao lado do Armindo. No entanto, esse facto apenas vai aumentar a minha vontade de vencer e de defender o título conquistado no ano passado", disse Carlos Vieira.

O diretor executivo da marca em Portugal, Sérgio Ribeiro, garante que a equipa quer ser “competitiva” e "abanar as águas em Portugal” garantindo que as duas equipas terão "total independência" ao longo do campeonato.

O CPR arranca em 17 de fevereiro com o Rali Serras de Fafe.

Comentários

Veja mais