WTCR Vila Real: um grande acidente e vitória de Muller no arranque

  • Redação Autoportal
VÍDEO: As imagens do acidente no WTCR em Vila Real

Yvan Muller foi o vencedor da corrida que marcou o arranque do WTCR em Vila Real neste sábado. Mas a etapa portuguesa da Taça Mundial de Turismos da FIA ficou também marcada logo na corrida de abertura do fim de semana com um grande acidente que deixou quatro pilotos a precisarem de assistência médica, para além de sete carros destruídos.

Fonte da Proteção Civil disse à Lusa pouco depois do acidente que “houve necessidade de assistir quatro pilotos tendo dois sido transportados para o Hospital de Vila Real”.

O acidente aconteceu nos primeiros metros da corrida depois de um toque entre os Volkswagen do britânico Robert Huff e do marroquino Mehdi Bennani, que partiram da primeira linha da grelha, provocando uma carambola entre os carros que se seguiam e acabando por envolver todos os 27 da grelha de partida.

Os Volkswagen ficaram muito danificados, assim como o Honda de James Thompson. A corrida foi suspensa e houve entrada em pista de duas ambulâncias e das equipas médicas que prestaram a primeira assistência aos pilotos, com dois deles a serem transportados até ao hospital, para serem submetidos a exames complementares.

Huff e Bennani foram os dois pilotos a serem levados ao hospital para fazerem "exames por precaução", como refere o WTCR no seu site", acrescentando que os "outros pilotos que visitaram o centro médico do circuito para exames foram libertados".

Fonte hospitalar disse à Lusa que ambos Huff e Bennani se encontravam estáveis, não sofreram lesões e que teriam alta em breve. A organização da prova informava também nas redes sociais que "todos os pilotos estão bem" minutos antes da remarcação da partida da corrida.

A primeira das três corridas deste fim de semana ficou reagendada para as 18h15 e, após a segunda partida, decorreu sem demais problemas, mas sem a participação de muitos da grelha inicial, incluindo os cinco primeiros da primeira partida: Huff, Bennani, Norbert Michelisz (Hyundai i30 N), Yann Ehrlacher (Honda Civic Type R) e Thed Björk (Hyundai i30 N), para além de John Filippi (Cupra Leon), Thompson e Gianni Morbidelli (Alfa Romeo Giulietta).

Yvan Muller (Hyundai i30 N) ficou como o primeiro piloto da grelha e partiu para ganhar deixando Esteban Guerrieri (Honda Civic Type R) no segundo lugar a 2.060s e Pepe Oriola (Cupra Leon) no lugar mais baixo do pódio a 10.596s.

Com este triunfo, Muller arranca o fim de semana a passar para a frente do campeonato. No que respeita à participação dos pilotos portugueses, Edgar Florindo (Cupra) foi 13.º, enquanto José Rodrigues (Honda) terminou no 18.º lugar.

O WTCR em Vila Real é a quinta de dez etapas da Taça do Mundo de Turismos da FIA e prossegue neste domingo com a realização das segunda e terceira corridas do fim de semana que pode acompanhar na TVI24.

[artigo das 17h50 com última atualização às 19h35]

VEJA TAMBÉM:

WTCR arranca em Vila Real com um acidente

Comentários

Veja mais