F1 regressa pela fresca: os horários do GP da China

  • Redação Autoportal
Sebastian Vettel (Reuters)
Sebastian Vettel (Reuters)

A Fórmula 1 está na China neste fim de semana para a terceira prova do calendário apenas uma semana depois do GP do Bahrain. E tenha atenção aos horários, pois, em Xangai, são mais sete horas do que em Portugal Continental.

Sebastian Vettel é o líder do Mundial de Fórmula 1, depois de vencer as duas primeiras corridas, com mais 17 pontos do que Lewis Hamilton.

Mas a primeira estatística a ter em conta pela Ferrari é que, na atual era híbrida da F1, a Mercedes ganhou sempre na China, com vitórias de Hamilton em 2014, 2015 e 2017 e Nico Rosberg em 2016.

Os pilotos vão cumprir 56 voltas ao Circuito Internacional de Xangai, que tem um perímetro de 5.451 metros, para uma distância de corrida de 305.066 km numa pista com 16 curvas e duas longas retas (uma delas, sobretudo).

O recorde da pista data de de 2004, quando Michael Schumacher fez o tempo de 1m32.238s.

Para este fim de semana espera-se tempo seco, mas mais fresco do que nas rodas anteriores, com a temperatura ambiente a rondar os 20º. À sua disposição, os pilotos vão ter os pneus médios, macios e ultramacios.

A primeira saída para a pista será logo na madrugada de sexta-feira madrugada (em Portugal) com o arranque dos Treinos Livres.

Horários do GP da China de F1:

SEXTA-FEIRA

Treinos Livres 1: 03h00

Treinos Livres 2: 07h00

SÁBADO

Treinos Livres 3: 04h00

Qualificação: 07h00

DOMINGO

Corrida: 07h10

Comentários

Veja mais