GP da Austrália: FIA muda semáforos da partida por causa do halo

  • Redação Autoportal
Nico Rosberg (Reuters)
Nico Rosberg (Reuters)

A FIA decidiu reduzir a altura a que estão colocados os semáforos para a partida do GP da Austrália de Fórmula 1, que abre neste fim de semana a temporada.

O motivo desta alteração é a introdução obrigatória do halo nos carros deste ano, que pode diminuir a visibilidade dos semáforos por parte de alguns pilotos dependendo da posição que ocuparem na grelha de partida.

Esta alteração também já foi transmitida para os restantes circuitos do calendário no sentido de ser adotada uma altura «standard» para a colocação dos semáforos.

O segundo conjunto de luzes que estava colocado a meio da grelha – para ajudar os pilotos que não conseguiam ver bem os semáforos principais – devido à altura das asas dos carros em 2009 – irá agora ser recolocado mais à frente da pole-position, o lugar que parece ser o mais afetado na visibilidade por causa do halo.

Os pilotos irão testar a nova colocação dos semáforos numa inabitual sessão de treino de partidas a realizar no final do programa de sexta-feira.

Esta é a segunda alteração comunicada pela FIA para o GP da Austrália nos últimos dias depois do anúncio de uma nova zona de ativação do DRS.

VEJA TAMBÉM:

Comentários

Veja mais