GP de Espanha: Mercedes arranca mais defensiva que a concorrência

  • Redação Autoportal
Mercedes W09
Mercedes W09

As escolhas estão feitas. Com pneus médios, macios e supermacios à disposição para o GP de Fórmula 1, a Mercedes optou pela estratégia mais «defensiva» entre as três equipas da frente com o menor número dos pneumáticos mais moles.

Os pilotos da Ferrari são os que fazem uma escolha mais «agressiva» enquanto os da Red Bull se colocaram num patamar intermédio entre as duas equipas adversárias.

Lewis Hamilton e Valtteri Bottas escolheram três jogos de pneus médios, cinco de macios e outros tantos de supermacios.

Daniel Ricciardo e Max Verstappen prescindiram de um jogo de médios em relação aos Mercedes para terem mais um do composto mais mole.

Sebastoan Vettel e Kimi Raikkonen vão mais longe ainda tendo menos médios e menos macios do que os carros da equipa campeã do mundo e apostando forte nos supermacios com sete jogos.

A equipa mais «agressiva» nas escolhas foi a William e, em particular, Sergey Sirotkin com o piloto russo a optar apenas por dois conjuntos de médios e um de macios e levando para a quinta corrida da época (a 13 de maio) dez conjuntos de pneus supermacios.

Comentários

Veja mais