F1: Ricciardo encaixa os “socos, mesmo se forem do Tyson”

  • Redação Autoportal
Daniel Ricciardo (Reuters)
Daniel Ricciardo (Reuters)

Daniel Ricciardo arrancou com o pé esquerdo para o GP da Alemanha de Fórmula 1 ao ser remetido logo desde sexta-feira para a última linha da grelha de partida e a Corrida também não podia terminar da pior forma: o australiano da Red Bull abandonou.

Esta foi a terceira desistência da época para Ricciardo devido a problemas mecânicos e o abandono em Hockenheim neste fim de semana teve a ironia de seguir-se à penalização na grelha por troca de componente na unidade de potência.

O australiano não se deixa, porém, ir abaixo e garante que enfrenta as adversidades como se estivesse a lidar com socos desferidos pelo antigo pugilista Mike Tyson. “Encaixa ao socos. Mesmo de forem do Tyson”, escreveu o australiano nas redes sociais.

Ricciardo contou depois da Corrida que as razões do seu abandono estariam ligadas ao motor: ”Senti [o carro] travar na Curva 6. Quando punha uma velocidade abaixo, ouvia que algo não estava bem. E quando acelerava esperava potência e estava sem potência. E ouvia alguns barulhos, por isso, não parecia muito saudável.”

Comentários

Veja mais