Fórmula 1: Onde e como travar em Austin

O ponto crítico do Circuito das Américas é este
O ponto crítico do Circuito das Américas é este

A próxima etapa do Mundial de Fórmula 1 passa pelo Texas. Entre os dias 20 e 22 de outubro, o Circuito das Américas é o palco do GP dos Estados Unidos com uma extensão de 5.516 metros e uma distância total de 308,90 km. Com capacidade para receber 120 mil pessoas, o circuito norte-americano soma 20 curvas e 2 retas.

O ponto crítico fica à entrada da curva 12. Segundo a Brembo, o piloto deve reduzir a velocidade máxima atingida em apenas 70 metros. Estima-se que a energia da travagem envolvida é de 2.292 kW.

Comentários

Veja mais