GP de França: Magnussen atira-se ao “confuso” e “desesperado” Raikkonen

  • Redação Autoportal
Kevin Magnussen (Lusa)
Kevin Magnussen (Lusa)

Kevin Magnussen não conseguiu melhor do que o nono tempo da Qualificação para o GP de França de Fórmula 1 e acusou Kimi Raikkonen, que ficou com o sexto tempo, de lhe ter estragado a voltas.

O piloto da Haas acusou o da Ferrari de estar “confuso” e “desesperado” e demonstrou a sua irritação logo numa comunicação via rádio em que perguntou «O que raio está ele a fazer?”

Confrontado com essa irritação, Magnussen atirou-se a Raikkonen sem poupar também na linguagem – para a qual alertamos em relação a leitores mais sensíveis à mesma – declarando-se “muito irritado” como cita o «Motorsport.com”.

“Ele f**** as voltas todas dele, tinha combustível para não sei quantas voltas, todos os outros tinham combustível para uma volta, por isso, para começar, pensei que ele ia para a box porque ele f**** a volta dele. E depois volta a tentar imediatamente na volta a seguir. Ultrapassa, deixa-se passar outra vez – depois, de certeza que vai para a box. Mas depois tenta outra vez. Então, são três voltas de seguida que ele tentou forçar e não faz sentido. Não há forma de prever o que ele vai fazer. E depois é claro que me ultrapassa na Curva 1 e f*** a minha volta e nem sequer completa a volta dele.”

Magnussen acrescentou que, “se se está confuso a tal ponto, tente-se apenas não ficar no caminho dos outros” considerando que Raikkonen ficou desorientado: “Ele simplesmente não fazia ideia do que fazer e estava desesperado para fazer uma volta. Ele não tinha feito uma volta, ele f**** todas as voltas. Ele estava desesperado.”

Comentários

Veja mais