Hamilton espera “fim de semana difícil” sem o novo motor

  • Redação Autoportal
Lewis Hamilton (Reuters)
Lewis Hamilton (Reuters)

Ainda não é no GP do Canadá de Fórmula 1 que a Mercedes terá a nova especificação do motor no W09 e Lewis Hamilton espera dificuldades não só no plano da fiabilidade, mas no da concorrência se a Ferrari já trouxer atualizações.

“Este é um circuito para potência, por isso era nosso objetivo e teria seguramente ajudado” ter o novo motor no domingo, afirmou Hamilton: “A nossa performance não será provavelmente a melhor de todas.”

O piloto da Mercedes complementou a explicação nestas declarações recolhidas pelo «Motorsport.com»: “É a sétima corrida com o motor e o objetivo é fazer os motores permanecerem na mesma do princípio ao fim, por isso, estando naturalmente degradado, perde-se potência ao logo das corridas.”

“Se já fizemos uns sete mil quilómetros perdeu de certeza performance. Por isso, num circuito para potência [a perda] será ampliada”, frisou Hamilton esperando vantagem do lado da Ferrari: “Especialmente se eles trouxerem a evolução do motor.” “Por isso, pode ser um fim de semana difícil.”

O campeão do mundo não deixa de garantir que está no Canadá “para ganhar”, mas, com as cartas que espera em cima da mesa começa por desejar “fiabilidade” do motor: “Se estou na sétima corrida num circuito difícil para o motor, quero chegar ao fim. É a minha única preocupação.”

Comentários

Veja mais