Verstappen adia para 2020 o ataque da Red Bull ao título

  • Redação Autoportal
Max Verstapen (Lusa)
Max Verstapen (Lusa)

Max Verstappen confia que a Honda tem capacidade “séria” para colocar a Red Bull na luta pelo título Mundial de Fórmula 1, mas o piloto holandês apraza essa candidatura mais para 2020, depois da estreia em 2019 dos motores japoneses na equipa de Milton Keynes.

“Todos querem isso, mas na Fórmula 1 isso é complicado”, respondeu Verstappen, numa citação do «Motosport.com», ao desafio feito pelo programa da TV holandesa «Ziggo Sport» sobre uma candidatura ao título já no próximo ano: “No início, precisaremos de dar mais alguns passos, mas esperamos estar próximos no final. No ano seguinte, devemos sair com força total.”

Verstappen visitou a fábrica da Honda no ano passado e mostrou-se impressionado com as melhorias que os japoneses fizeram desde o retorno à F1 em 2015 para a McLaren e mudança para a Torro Rosso nesta época: “Observando de onde vieram nos últimos dois anos, eles avançaram consideravelmente. Raramente se vê algo quebrar.”

“O mais importante é que eles querem levar as coisas até ao limite. Eles têm os meios, o que é muito importante se se quiser competir com Ferrari e Mercedes”, esclareceu Verstappen apontando que, “no geral, a Honda é uma candidata muito mais séria” contando que “eles já estão em testes (...) para se prepararem para o próximo ano” e “estão muito motivados”.

Comentários

Veja mais