Fernando Alonso: "Estou ansioso por voltar a estar ao volante de um Fórmula 1"

Stoffel Vandoorne e Fernando Alonso
Stoffel Vandoorne e Fernando Alonso

Depois de um inverno bem ocupado, Fernando Alonso está pronto para voltar à ação na Fórmula 1. O piloto espanhol tem pela frente um duplo desafio (compromisso no WEC e nas 24 Horas de Le Mans) no calendário desportivo, mas encara-o com consciência de que a principal missão está na McLaren.

"O inverno foi mais curto que o habitual, com a participação nas 24 horas de Daytona e a série de testes de Endurance. Dito isto, estou ansioso por voltar a estar ao volante de um Fórmula 1 pela primeira vez em três meses", sublinhou o espanhol.

A nova temporada da McLaren na Fórmula 1 traz um novo carro e um novo fornecedor de motores.Terminada a complicada relação com a Honda, a McLaren une-se à Renault para gáudio do espanhol que, entre os protagonistas, foi quem mais sofreu com a falta de fiabilidade das unidades motrizes da equipa.

"Olhando para o nosso novo carro, sinto-me incrivelmente entusiasmado. Mas, também estou preocupado. Sei o quão importante é este carro para a equipa e espero que corresponda às expetativas", sublinhou.

Apesar da ansiedade, Alonso também sabe que a força de sua equipa é consistente em termos de desenvolvimento.

"Se conseguirmos desenvolver os pontos fortes do chassis do ano passado e juntarmos o motor da Renault, acredito que seremos capazes de dar passos importantes", defendeu. "O carro parece muito estruturado, muito bem pensado, e acho que as novas cores realmente ficam bem. Só quero ficar ao volante!", garantiu com entusiasmo.

 

Comentários

Veja mais