Aragão: Márquez em força no terceiro treino e Rossi em 10º

Marc Márquez - São Marino
Marc Márquez - São Marino

No terceiro treino da MotoGP de Aragão, Marc Márquez reafirmou a força da Honda e Rossi, que regressou depois de ter fraturado a perna, conseguiu fazer o décimo tempo na prova.

0s310 depois do líder do treino, Maverick Viñales segurou a segunda posição, com Dani Pedrosa logo a seguir a completar o top 3.

A prestação da Honda continua a ser de grande força. Este sábado pela manhã, depois de ter chovido, Márquez impôs-se no MotorLand e não deu hipóteses no terceiro treino livre do MotoGP.

A concorrência foi feroz e Andrea Dovizioso, vice-líder mundial, ainda chegou a estar à frente do grupo, mas por pouco tempo. À 17ª volta, de 20, Márquez marcou a posição e manteve-se na frente até ao final.

A segunda posição foi conseguida por Maverick Viñales (Movistar Yamaha), que aproveitou o sol para ganhar força e marcar uma boa posição no top 3, juntamente com Dani Pedrosa, também Honda, que mostrou bom ritmo e fechou o pódio, à frente de Álvaro Bautista (Pull&Bear Aspar).

O finlandês Mika Kallio mostrou a força da equipa da Red Bull ao marcar a quinta posição no treino, logo seguido de Dovizioso (Ducati) que, tendo em ficado em sexto, por alguns alguns momentos esteve à frente da concorrência.

Aleix Espargaro (Aprilia Racing Team Gresini), Cal Crutchlow (LCR Honda), Andrea Iannone (Suzuki Ecstar) seguiram-se com os sétimo, oitavo e nono tempos, respetivamente.

Quem fechou a lista de 10 foi Valentino Rossi, que 23 dias depois de ter fraturado a perna direita, entrou em grande no terceiro treino livre do MotoGP mostrando um regresso impressionante à competição depois da lesão.

Esta prova ficou marcada pela queda de Folger, que na curva dois foi ao chão, depois de ter quase conseguido evitar o tombo. O germânico saiu da pista a andar pelo próprio pé depois de ir ao asfalto.

Comentários

Veja mais