Lauda faria Verstappen e Ricciardo “pagar os estragos” nos carros

Daniel Ricciardo e Max Verstappen (Reuters)
Daniel Ricciardo e Max Verstappen (Reuters)

Niki Lauda não tem dúvidas sobre o que faria se Max Verstappen e Daniel Ricciardo fossem pilotos da Mercedes e provocassem um acidente como que deixou os dois pilotos fora do GP do Azerbaijão: faria ambos pagarem os estragos nos carros.

O diretor não executivo da Mercedes, por outro lado, também não deixa de considerar diferentes graus de responsabilidade no choque: “Para mim é 70 por cento do Verstappen e 30 do Ricciardo.”

“Se nos mexemos à frente dele a toda a hora, para onde pode o pobre tipo ir. É uma coisa muito simples”, afirmou Lauda sobre as razões para a colisão numa citação do «Motorsport.com».

E mesmo com graus de culpa diferenciados, o austríaco referiu que os penalizava pela mesma medida: “Levá-los-ia ao escritório, juntamente com o Toto [Wolff, diretor executivo da Mercedes] e dir-lhes-ia quanto menos iriam receber pelos estragos que provocaram.”

VEJA TAMBÉM:

Comentários

Veja mais