MotoGP: Morbidelli, Bagnaia e Mir estão no radar da Ducati

  • Pedro Calhau
Morbidelli
Morbidelli. Foto: Twitter Moto GP

A Ducati apresentou nesta segunda-feira a Desmosedici GP para 2018 com Andrea Dovizioso e Jorge Lorenzo como os dois pilotos titulares que atacar o título do MotoGP.

Mas isso não quer dizer que a equipa italiana não planeie já o futuro mais a médio ou longo prazo olhando para os mais recentes talentos do motociclismo como uma aposta futrura.

Foi isso que o diretor desportivo da Ducati não escondeu quando revelou que Franco Morbidelli, Francesco Bagnaia e Joan Mir estão no radar da equipa italiana.

Paolo Ciabatti não se pronunciou sobre a notícia de domingo da «Gazzetta dello Sport» dando conta da existência de já haver um acordo para entre Bagnaia e a Pramac, equipa satélite da Ducati no MotoGP.

Mas Ciabatti revelou os alvos da marca italiana para o MotoGP: “Quando me perguntaram dos jovens pilotos em ascensão, penso que o Franco Morbidelli já fez uma temporada incrível e ele mudou-se para o MotoGP. Vamos ver o desempenho dele neste ano.”

“Em relação aos outros pilotos, pensamos que Bagnaia é um piloto promissor e garantidamente o Joan Mir fez uma época fantástica no ano passado. Precisamos de ver o que ele faz no Moto2”, prosseguiu o diretor desportivo da Ducati nestas declarações ao «Crash.net».

Paolo Ciabati falou sem reservas dos pilotos que estão no radar da Ducati ainda antes de qualquer negociação que possa vir a acontecer, como frisou: “Se tivesse de dizer três nomes de jovens pilotos que possam ser interessantes para o nosso futuro eles seriam Morbidelli, Bagnaia e Mir, sem ter entrado em negociações.”

Nesta temporada de 2018, Franco Morbidelli estreia-se no MotoGP depois de ter ganho o título mundial de Moto2 em 2017, Francesco Bagnaia faz a segunda época no Moto2 depois de um notável quinto lugar no ano de estreia na categoria e Joan Mir estreia-se no Moto2 depois de ter ganho o título mundial de Moto3 em 2017.

Comentários

Veja mais