Cyril Neveu, Lamy e Villas-Boas vão estar no Caramulo Motorfestival

  • Redação Autoportal
Pedro Lamy
Pedro Lamy

Valentino Balboni, Cyril Neveu, Pedro Lamy e André Villas-Boas são algumas das personalizadas ligadas ao desporto motorizado que vão participar em setembro na XIII edição do Caramulo Motorfestival, no concelho de Tondela.

O Caramulo Motorfestival, que vai animar a Serra do Caramulo de 7 a 9 de setembro, é desde este ano organizado pelo Museu do Caramulo em parceria com o Automóvel Club de Portugal e, segundo a organização, o evento vai “contar com uma longa lista de pilotos convidados, a participar na Rampa Histórica do Caramulo”.

“Desde a Fórmula 1 ao motociclismo, os pilotos em prova terão oportunidade de competir, fazer demonstrações e ainda ter um contacto direto com o público durante todo o fim de semana, além de uma sessão de autógrafos”, acrescentam os organizadores segundo relata a agência Lusa.

Entre os nomes internacionais mais sonantes estão o italiano Valentino Balboni, chefe dos pilotos de teste da Lamborghini desde 1968 e atual embaixador da marca, e o francês Cyril Neveu, que venceu cinco vezes o Paris-Dakar, incluindo a primeira edição da prova, em 1979.

“O evento vai contar também com a presença de Pedro Lamy, um dos mais reconhecidos nomes do automobilismo português, tanto aquém, como além-fronteiras, e que já passou, e pontuou na Fórmula 3000, Fórmula 1, DTM, 24 Horas de Le Mans e 24 Horas de Nürburgring”, aponta a organização.

No Caramulo estará também André Villas-Boas, o treinador português de futebol que é também apaixonado pelos automóveis e já participou em provas como a Baja Portalegre 500 de 2016 ou o mítico Rally Dakar.

“Como é já tradição, não vem só. Consigo estarão também o seu pai, Luís Filipe Villas-Boas, e o seu tio, Pedro Villas-Boas, conhecido piloto, que chegou a correr no Paris-Dakar”, acrescenta a orgamização.

Ao Caramulo vão deslocar-se ainda várias figuras de renome do desporto motorizado como Francisco Sande e Castro, Joaquim Rino, Mário Barbosa, Pedro Salvador, Rosário Sottomayor, Carlos Palma, Filipe Lourenço, Miguel Bilhota ou Dinis Borges.

Comentários

Veja mais