Vettel: “Estamos orgulhosos de ter um poderoso motor Ferrari”

  • Redação Autoportal
Sebastien Vettel (Lusa)
Sebastien Vettel (Lusa)

Lewis Hamilton tinha a pole position do GP da Bélgica de Fórmula 1, mas Sebastian Vettel, partindo do segundo lugar da grelha ultrapassou o Mercedes ainda na primeira volta deixando o inglês resignado ao poder do Ferrari.

A Scuderia italiana não esconde a satisfação que tem com o motor do SF71H e Sebastian Vettel assumiu o orgulho bem como a importância da unidade de potência para a luta que mantém com Hamilton pelo título mundial.

"Ter um motor avançado foi importante neste circuito e será também para a corrida de Monza, mas, para ser honesto esta inovação será importante para todas as corridas da temporada. A nova unidade de potência é um passo à frente. É a alma do nosso carro e estamos orgulhosos de ter um poderoso motor Ferrari", afirmou o vencedor do GP da Bélgica.

Vettel, porém, não entra em euforias e, reconhecendo que “o carro é competitivo”, destaca que “não é fácil estar sempre na liderança”. “Vimos em todas as corridas como os Mercedes estão próximos de nós em termos de desempenho e, em algumas ocasiões, até mesmo os Red Bull”, alertou Vettel nestas declarações recolhidas pelo «Mototrsport.com»: “Não acho que temos uma vantagem tão grande.”

Comentários

Veja mais