E exatamente um mês e meio depois, Rossi caiu outra vez (vídeo)

Valentino Rossi
Valentino Rossi

Valentino Rossi fez um regresso surpreendente do GP da Aragão de há três semanas depois de ter fraturado a perna no final de agosto.

O piloto italiano voltou à competição três semanas também depois de ter sido operado à fratura da tíbia e do perónio na perna direita.

Neste sábado, nos Treinos Livres 4 do GP de Motegi de MotoGP, «Il Dottore» voltou a cair. E apesar de ter reconhecido no lançamento do fim de semana que ainda não estava a 100%, o piloto da Yamaha seguiu sem mazelas para a Qualificação.

Rossi fraturou a perna a 31 de agosto num acidente durante um treino de enduro. No dia seguinte foi operado. No dia 18 de setembro, o italiano voltou a pilotar uma moto no primeiro teste para o GP de Aragão de dia 24 do mês passado, que correu. Neste sábado, voltou também a dar uma queda.

Do dia da queda que resultou na fratura até ao dia de hoje em que «Il Dottore» voltou a ir ao chão passam 45 dias. Felizmente para o italiano, não houve qualquer consequência física e o que fica assinalado é apenas um mês e meio exato entre os dois acidentes.

GP do Japão: há uma Yamaha na pole-position e é a de Zarco

Comentários

Veja mais