GP do México: Bottas comanda arranque dos Mercedes em ultramacios

Valtteri Bottas em Silverstone
Valtteri Bottas em Silverstone

Valtteri Bottas foi o piloto mais rápido da primeira sessão de Treinos Livres para o GP do México liderando uma dobradinha da Mercedes deixando Lewis Hamilton a pouco menos de meio segundo de diferença.

Na segunda linha dos melhores tempos estão depois os Red Bull e surgem a seguir os Ferrari na terceira.

Max Verstappen foi melhor do que Daniel Ricciardo, mas ambos ficaram a menos de seis décimos de Bottas.

Sebastian Vettel ficou a cerca de 7 décimos do finlandês da Mercedes, mas Kimi Raikkonen já ficou um pouco mais longe passando a barreira de 1 segundo.

A maior diferença nesta altura, porém, foi que os Mercedes conseguiram as suas melhores voltas com pneus ultramacios, enquanto os Red Bull e os Ferrari rodaram com os supermacios.

A primeira sessão de treinos para o GP do México contou com quatro pilotos a terem mais uma oportunidade no lugar dos que serão os titulares.

Na Toro Rosso, Sean Gelael pilotou o carro de Pierre Gasly, na Sauber foi Charles Leclerc a guiar o carro de Marcus Ericsson, na Haas foi Antonio Giovinazzi no lugar de Romais Grosjean e na Force India foi Alfonso Celis no carro de Esteban Ocon.

O mexicano teve, contudo, azar em frente ao seu público, pois bateu com o Force India obrigando mesmo à interrupção da sessão.

Os Treinos Livres 2 para o GP dos México são às 20h00 (hora de Portugal Continental).

Comentários

Veja mais