Hyundai Kauai Electric vai a Genebra e... mais além

Hyundai Kauai Electric desafia segmento B

Com audácia e uma visão futurista, a Hyundai reforça a sua ofensiva no mercado dos carros elétricos. Depois do Ioniq, a marca coreana apresenta uma nova variante do Kauai: uma versão elétrica pioneira no segmento B. Uma combinação não tão improvável segundo a Hyundai que garante ser possível juntar a filosofia zero emissões a um SUV compacto.

O Kauai Electric estará disponível em duas versões: a versão básica tem um bloco de 99 kW, ou 135 cv e 395 Nm de binário máximo. A velocidade máxima anunciada é de 167 km/h e vai dos os 0 a 100 km/h em 9,3 segundos. A marca garante uma autonomia máxima de 300 km.

Mas, há uma versão mais potente. É possível optar por um motor elétrico de 204 cv e 395 Nm de binário. Vai dos 0 aos 100 km/h em apenas 7,6 segundos. Mas, a grande vantagem é a autonomia máxima: 470 km de acordo com o ciclo WLTP.

Ambos carregam numa tomada standard e a recarga total deverá demorar por volta de 9h40. Com um carregador rápido, em menos de uma hora o Kauai Electric fica com 80 % de autonomia. A ficha está escondida ao nível da grelha.

Estilo futurista

A nível de design, as diferenças para o Kauai versão motor a combustão são flagrantes. Na dianteira, a grelha em cascata desaparece, assim como as proteções em plástico que contornam as óticas inferiores. Acrescentou-se uma barra cromada entre o logo e as óticas em LED.

Neste SUV de 4,18 metros de comprimento, nota ainda para as exclusivas jantes de 17 polegadas.

No interior, o Kauai Electric inspira-se muito no Nexo. Nota para a nova consola central “flutuante” de cor prateada. O painel de instrumentos também é novo e ganha um ecrã digital de 7 polegadas, auxiliado por um Head-Up Display.

Mais detalhes serão revelados no Salão de Genebra (8 a 18 de março), onde o Kauai Electric será cabeça de cartaz do stand da Hyundai.

Comentários

Veja mais