Novo Honda CR-V: o "americano" chega no outono e sem diesel

Nova geração do CR-V mostra-se em Genebra

A espera está prestes a terminar. A nova geração do Honda CR-V chegará a Portugal no outono, mas com um preview marcado para o Salão de Genebra ( 8 a 18 de março).

Um dos modelos da marca japonesa mais vendidos nos Estados Unidos vem para o Velho Continente na sua variante mais ecológica e sem versão diesel.

Na versão motor a combustão, o CR-V contará com um bloco 1.5 VTEC Turbo (gasolina), disponível com caixa manual de 6 velocidades ou automática CVT e tração dianteira ou integral.

Mas, o grande destaque vai para a inédita versão híbrida. Contará com um motor 2.0 litros de ciclo Atkinson com recurso a dois motores elétricos. Quanto à transmissão, apresenta-se apenas com uma relação fixa, sem embraiagem.

"Em equipa que ganha (...)"

Esteticamente, a silhueta desta quinta geração do CR-V apresenta uma evolução tímida, muito por culpa do sucesso que tem no mercado norte-americano.

A nova grelha é a grande diferença na parte dianteira do SUV que apresenta óticas e luzes diurnas em LED. De resto, os designers seguiram a velha máxima utilizada no futebol: “Em equipa que ganha não se mexe”. Apenas alguns detalhes mais “musculados” como as cavas das rodas mais largas e os contornos mais vincados o capô e na linha de cintura são nota predominante.

Na traseira, nota para o portão da bagageira que beneficia de uma abertura mãos-livres e regulável. O para-choques ganha aspeto mais desportivo graças às duas ponteiras de escape.

Prioridade aos materiais

É no habitáculo que se nota uma maior evolução do CR-V em relação ao antecessor. A Honda investiu na qualidade dos materiais utilizados no interior, com destaque para a consola. O painel de instrumentos apresenta dois monitores de 7 polegadas com um novo grafismo, mais intuitivo. A caixa de velocidades e o travão de mão estão posicionados mais acima para facilitar a mobilidade do condutor.

E por falar em mobilidade, o interior do CR-V está mais espaçoso e apresenta mais soluções de arrumação.

A grande novidade no CR-V é a variante de sete lugares. Com esta opção, a Honda poderá competir diretamente com a Peugeot (5008) e a Skoda (Kodiaq).

Mais detalhes desta nova geração serão conhecidos no Salão de Genebra. As entregas da versão 1.5 estão marcadas para o outono. Para o híbrido, será necessário esperar pelo início de 2019.

Comentários

Veja mais