É assim a estrutura que recebe a equipa da Red Bull nos GP

Red Bull
Red Bull. Fórmula 1
partilha

Em tantos quilómetros durante o ano, em vários países e com as necessidades inerentes, uma estrutura que funcione como a casa de toda uma equipa tem que ser especial.

A Red Bull prepara em todos os Grandes Prémios uma instalação para servir a equipa sem que falte nada. A “Energy Station”, Estação Energia em português, percorre todos os anos 16 mil quilómetros e é imprescindível em todas as etapas.

Trata-se do centro de operações da equipa para todas as corridas europeias durante a época.

Demora cerca de três dias e meio a ser montada, uma estrutura que precisa de 31 pares de braços para ser posta de pé. Um processo demorado, mas que não pode falhar para que as provas corram de feição.

Uma vez pronta, serve de base a todos os membros da Red Bull. É casa, restaurante, oficina, escritório. É lá que estão reunidas todas as condições para pôr a equipa a funcionar em busca de vitórias. Quando estão no Mónaco, até têm direito a piscina.

Por cada fim-de-semana, quando decorrem provas, preparam-se cerca de 500 refeições, entre pequeno-almoço, almoço e jantar.

Se ainda não bastasse, não se pode esquecer a importância das bebidas e hidratação dos pilotos. Os cozinheiros preparam cerca de 160 litros de gelado e claro centenas de latas de bebida energética.

Comentários

Veja também