Efeitos 3D nas estradas aumentam segurança rodoviária

[Reuters]
[Reuters]

Pintar passadeiras a três dimensões é um dos métodos cada vez mais adotados em países como China, Índia e Islândia para reduzir o número de acidentes nas estradas.

Para melhorar a segurança dos peões e condutores, foi desenvolvida uma estratégia que obriga os veículos a reduzirem a velocidade sem colocarem ninguém em perigo.

A ideia foi nada mais nada menos que recorrer à ilusão de ótica para pintar as passadeiras. Tem-se revelado eficaz nestes países com a diminuição do número de acidentes e atropelamentos.

Tudo começou na China, há oito anos, nas cidades de Taizhou e Xingsha. O método foi de tal forma bem sucedido que rapidamente chegou à localidade indiana de Ahmedabad.

Agora, foi altura de a Islândia pintar passadeiras com efeito tridimensional na cidade de Ísafjörourha.

Com esta técnica, o efeito enganador faz com que o condutor reduza, em média, a velocidade do carro para os 20 quilómetros por hora, até perceber que se trata de um efeito ocular.

Com isto, o número de atropelamentos baixa e a segurança, que é o objetivo da iniciativa, aumenta.

Comentários

Veja mais