Miguel Oliveira: «Se estivermos na frente iremos arriscar para ganhar»

VÍDEO: Miguel Oliveira faz análise a meio da época

Miguel Oliveira faz uma análise da primeira metade da época em que revela ter ficado surpreendido com os bons resultados traduzidos em vários pódios. Mas, para além disso, o piloto português que compete no Moto2 avança que ganhar corridas é um objetivo que se coloca nesta altura de paragem de verão.

A análise às primeiras nove corridas da temporada (de um total de 18) foi feita pelo português numa entrevista para a sua equipa, a KTM Ajo (que inclui também o depoimento de Brad Binder). Miguel Oliveira assume que as expetativas estão a ser excedidas: «Estamos satisfeitos com a forma como as coisas têm acontecido até agora. Alguns resultados têm sido melhores do que esperávamos e, para ser honesto, estamos todos um pouco surpreendidos.»

«Não esperávamos ter pódios e uma pole-position em circuitos onde nunca tínhamos estado antes, ultrapassando os problemas que tivemos no início. Era algo que não pensávamos ser possível. Até agora, tem sido uma temporada boa», admitiu.

O piloto português explica que «às vezes o prolema não é estar num circuito pela primeira vez, mas antes as diferentes condições atmosféricas durante um fim de semana» traduzindo «a falta de tempo em pista», o que «é algo completamente normal», mas, também, essencial para evoluir a moto: «Quando tivermos podido testar a moto em todo o tipo de condições, poderemos sentar-nos e analisar quais os aspetos exatos que devem ser evoluídos.»

Esse é o caminho para apontar a uma vitória na segunda metade da temporada: «Para estar no top 5 é necessário ser muito preciso e não cometer erros. Se estivermos nas posições da frente, então, iremos arriscar para ganhar.» «Esperamos estar nessa posição mais vezes e tenho a certeza de que algo bom virá», confessou.

O Mundial de Moto2 volta em agosto (com o GP da R. Checa). Miguel Oliveira é o terceiro da classificação geral. Enquanto as férias duram é temo de «desligar um pouco da competição» e «passar algum tempo em casa com a família».

Comentários

Veja mais