Filipe Albuquerque: “O mundo é justo”

  • Redação Autoportal
Filipe Albuquerque - 24H Daytona 2018
Filipe Albuquerque - 24H Daytona 2018

Filipe Albuquerque cruzou neste domingo a meta das 24 Horas de Daytona como vencedor. O piloto de Coimbra estreou-se a vencer a clássica norte-americana do endurance com o Cadillac da Action Express que dividiu com João Barbosa e o brasileiro Christian Fittipaldi.

Em declarações veiculadas pela sua assessoria de imprensa, Filipe Albuquerque lembrou o ingrato segundo lugar do ano passado perdido nos últimos minutos para o carro da Wayne Taylor Racing para destacar o triunfo deste domingo, que não foi nada fácil.

"Estou tão, tão contente. Depois do que aconteceu o ano passado, conseguir finalmente esta vitória é sinal para dizer: O Mundo é justo. Foi uma corrida espectacular, fizemos o nosso trabalho de forma única. Mas as últimas seis horas de prova foram muito duras. Para além de termos gerido o andamento para pouparmos o carro, chegou a uma altura em que me passava tudo pela cabeça. O motor estava a aquecer bastante e o mínimo barulho no carro deixava-me apreensivo. Procurei manter a concentração mas estava a ser muito complicado. Quando finalmente vi a bandeira xadrez, foi uma sensação incrível. A melhor de todas. Uma explosão de alegria um sentimento de justiça e de dever cumprido. Não há palavras para descrever tudo o que estou a sentir."

Comentários

Veja mais