Táxis autónomos da Navya chegam em 2018

| PC
VÍDEO: Autonom Cab: o táxi autónomo que chega em 2018
partilha

A fabricante de veículos autónomos Navya apresentou o Autonom Cab, segundo modelo do seu projeto de mobilidade urbana autónoma, partilhada e elétrica.

A marca francesa agenda para o final de 2018 a entrega dos primeiros veículos prontos a circular sem condutor (e sem volante ou pedais sequer) para serviços de táxi individuais ou partilhados.

O Autonom Shuttle circula desde 2016 na Universidade do Michigan em trajeto de vaivém (como o nome inglês indica) com uma capacidade para 15 passageiros. No início deste mês, este miniautocarro autónomo fez os primeiros percursos de teste em alguns bairros de Las Vegas.

Com o Autonom Cab passar-se-á dos trajetos definidos do Shuttle para os percursos nos centros das cidades a pedido de cada um – sozinho ou com outros passageiros – no número máximo de seis ocupantes.

A tecnologia inclui 10 sensores lidar, 6 câmaras, 4 radares, 2 antenas GNSS ou 4 sensores de hodometria. Os sistemas de navegação, mapeamento e cartografia no computador de bordo são made in Navya.

Os dois motores elétricos facultam uma potência de 15 kW nominal. O Autonom Cab consegue atingir uma velocidade máxima de 88 km/h. As baterias com 22 ou 33 kWh de capacidade permitem uma autonomia média de 10 horas e requerem cinco horas para carregamento se forem de 32A e de nove horas se forem de 16A.

O “primeiro serviço de transporte elétrico, partilhado e autónomo” estará à disposição da aplicação para smartphone da Navya, mas o Autonom Cab também estará disponível para venda a outras “empresas e organizações”.

“Os planos atuais apontam para que o Autonom Cab entre ao serviço no segundo quarto de 2018”, refere a Navya.

Autonom Cab da Navya

Comentários

Veja mais