Guiar um desportivo “excita” mais do que um beijo ou um jogo de futebol

Ford Performance Buzz Car mede o grau de "excitação"do condutor

Um beijo apaixonado ou um jogo de futebol do clube pelo qual se torce não proporcionam tanta emoção como guiar um carro desportivo. Esta é a conclusão de um estudo realizado sobre atividades que motivam denominados “momentos de excitação” [do original inglês “buzz moments”].

Estes “momentos de excitação” descritivos do sentimento de bem estar e de satisfação emocional foram suscitados a um grupo de voluntários que se sujeitou a uma série de estímulos deles potenciadores: um jogo de futebol do seu clube, ver episódios arrebatadores da série «A Guerra dos Tronos», um beijo apaixonado com a pessoa amada ou uma intensa aula de dança de salsa.

E, claro, a experiência de guiar um carro desportivo no dia a dia.

Dentro dos estímulos proporcionados aos voluntários, este projeto da Ford concluiu que apenas andar num carrossel de montanha russa consegue proporcionar “momentos de excitação” mais altos do que os da variante automóvel.

No trabalho com neurocientistas e designers, a Ford criou o Ford Performance Buzz Car; ou seja criou um Ford dotado de Inteligência Artificial cuja ligação sensorial ao condutor mede as emoções em tempo real.

Os participantes no estudo experienciaram “momentos de excitação” com uma “alta intensidade” de 2.1. Este valores comparam com a intensidade 3 da montanha russa, mas também com 1.7 numa ida às compras e 1.5 enquanto se vê «A Guerra dos Tronos» ou o jogo de futebol.

“Uma montanha russa pode ser boa para uma emoção rápida, mas não é boa para nos levar para o emprego todos os dias. Este estudo mostra como conduzir um carro desportivo é muito mais do que levar-nos do ponto A para o B – pode ser uma parte valiosa da nossa rotina diária de bem estar”, afirmou o fisiologista Harry Witchel.

No estudo realizado, os sujeitos atingiram um grau 0 no que respeitou aos “momentos de excitação” resultantes de dançar salsa, um bom jantar ou trocar um beijo apaixonado.

O Ford Performance Buzz Car é um Ford Focus RS que demorou 1.400 horas a transformar. Cada “momento de excitação” experienciado pelo condutor produz uma animação luminosa em cerca de 200 mil lâmpadas LED, que é analisada por um sistema de Inteligência Artificial em tempo real.

A tabela encontrada foi esta:

Atividade realizada

Momentos de excitação

(média por participante)

Montanha russa 3
Condução 2.1
Compras 1.7
«A Guerra dos Tronos» 1.5
Jogo de futebol 1.5
Beijar 0
Dançar salsa 0
Jantar 0

Este é o vídeo do teste:

Comentários

Veja mais