A F1 sai para a pista: fique a par das novidades para 2018

  • Pedro Calhau
Mercedes W09
Mercedes W09

Esta segunda-feira marca o início dos testes de pré-época da Fórmula 1 em 2018. Os carros vão para pista pela primeira vez a sério neste ano.

E que carros vamos ter? Oito deles já foram apresentados nas duas semanas antecedentes com as equipas a mostrarem os novos monolugares.

Despois das sessões de filmagens autorizadas pela FIA pós-apresentações, com a limitação ao um máximo de 100 km percorridos, é agora que os novo monolugares vão mostrar como estão.

As equipas ainda trabalham no desenvolvimento que prosseguirá até ao início do campeonato, no final de março. Muito já terá sido feito; mais ainda poderá restar por fazer. E a isto tudo estão inerentes as mudanças regulamentares para este ano de 2018: os novos carros refletem as novas regras.

Há três grandes alterações regulamentares no plano técnico: as tampas do motor com a barbatana de tubarão e a T-wing foram proibidas; o Halo é obrigatório; não serão permitidas as suspensões inteligentes.

As tampas dos motores ainda mostram uma pequena extensão aerodinâmica num sentido diagonal, mas as longas barbatanas de fibra de carbono na horizontal quase até à asa traseira já não existem.

Explícito ficou também que os sistemas da suspensão na frente do caro permitindo de forma inteligente adaptar-se ao ângulo de rotação do volante para um ganho aerodinâmico no decorrer de uma volta estão proibidos.

No plano competitivo, há também três alterações fundamentais para este ano: os pilotos passam a dispor apenas de três motores por época (ao invés de quatro); as mudanças de componentes do motor passam a ter uma diferente punição; os compostos dos pneus aumentam em número.

As críticas sobre as penalizações exorbitantes de dezenas de lugares na grelha de partida foram tidas em conta e, nesta época, uma penalização de pelo menos 15 lugares significa ir para o final da grelha – se houver vários pilotos nesta situação, a ordem começa no primeiro a fazer alterações.

Os pneus slick ganharam dois compostos novo passando de cinco em 2017 para sete em 2018. As novidades são os novos hipermacio e superduro nas extremidades da gama slick com redefinição também das cores.

Para piso molhado mantêm-se os pneus intermédios (de cinta verde) e de chuva (azul mais escura). Para piso seco, os pneus, do mais duro para o mais mole, são os seguintes: superduro (cinta laranja), duro (azul mais clara), médio (branca) macio (amarela), supermacio (vermelha), ultramacio (púrpura); e hipermacio (rosa).

E, com isto tudo em conta, os carros preparam-se para entrar em pista nesta segunda-feira no Circuito de Barcelona-Catalunha. Os trabalhos começam às 08h00 portuguesas (09h00 em Montmeló).

Os novos monolugares da Toro Rosso e da Force India só serão mostrados nesta segunda-feira. O desfile dos outros oito começou no dia 14. A Haas foi a primeira antecipando-se à Williams.

Seguiram-se a Red Bull ainda com uma pintura camuflada e, depois, no mesmo dia, a Sauber e a Renault – que, soube-se agora, só a apresentou como definitiva a pintura.

Ferrari e Mercedes escolheram o mesmo dia para a apresentação ficando a McLaren com o último dia útil da semana que passou para mostrar o regresso do laranja papaia.

Os primeiros testes de pré-época da F1 decorrem entre esta segunda-feira e 1 de março com regresso à pista catalã marcado logo para dia 6 (até 9) também do próximo mês.

O Mundial de F1 começa a 25 de março na Austrália (Melbourne).

Comentários

Veja mais