Mercedes pede desculpa à China por citação do Dalai Lama

  • Redação Autoportal
Mercedes Classe E Coupé
Mercedes Classe E Coupé

A Mercedes promoveu a marca nas redes sociais com uma citação do Dalai Lama e acabou depois por não só retirar o post do Instagram como por pedir desculpa à China.

A publicidade surgiu com Ujm Classe E Coupé e com uma frase motivacional para lançar a semana: “Olhem para as situações de todos os ângulos e tornar-se-ão mais abertos”.

O post recebeu quase 90 mil «gostos», mas as autoridades chinesas não se mostraram entre os que gostaram da publicação. Pelo contrário, a referência ao líder espiritual dos tibetanos que reclamam no exílio independência em relação à China não deixou satisfeitos os chineses que têm no Tibete mais uma região constituinte do seu país.

A Mercedes retirou o post e desculpou-se perante as autoridades chinesas. “Enviámos uma mensagem extremamente errada nas redes sociais internacionais da nossa companhia. Pedimos as nossas sinceras desculpas por termos ferido os sentimentos do povo chinês”, referiu a marca alemã na rede social chinesa Weibo.

O relato feito pelo «People’s Daily, China» do sucedido não deixa também de acrescentar a reação oficial do governo chinês pelo ministro dos Negócios Estrangeiros frisando que “admitir e corrigir erros é um princípio básico quando se faz negócios”.

Comentários

Veja mais