Uber e Google resolvem processo em tribunal com acordo de 200 milhões

  • Redação Autoportal
Waymo (Reuters)
Waymo (Reuters)
partilha

A Uber acordou o pagamento de 245 milhões de dólares (cerca de 200 milhões de euros) à Waymo na resolução de um processo em tribunal levantado pela unidade de veículos autónomos da Google.

A resolução de um caso que envolvia alegadas transferências de informação foi confirmada por ambas as partes em comunicados segundo noticiou a Associated Press.

A «Time» relata que a Waymo informou que a Uber acordou tomar medidas para garantir que a tecnologia da Waymo não será utilizada nos veículos autónomos da Uber e que a empresa transportadora também concordou no pagamento da verba.

No comunicado da Uber, a revista norte-americana destaca que a empresa de transporte não acredita que tenha recebido informação secreta da Waymo; assim como a Uber garante estar a tomar as medidas para assegurar que o trabalho de investigação nos seus veículos autónomos é resultado apenas do trabalho produzido pela própria companhia.

Comentários

Veja mais