Aston Martin: depois do barco é a vez do submarino

Submarino Aston Martin
Submarino Aston Martin. Foto: The Verge

A gama está completa. A construtora do Reino Unido, que produz carros únicos, passou para o barco e, agora, surpreende com um submarino a completar a montra.

Os automóveis fê-los das mais variadas formas, dos mais desportivos aos familiares. Mas a Aston Martin não se quer fechar na estrada e,  por isso, expandiu o negócio à água com a construção de um barco.

Além do veículo aquático, no mesmo ano construiu o Valkyrie, um superdesportivo desenvolvido com conjunto com a Red Bull, equipa de Fórmula 1, prometendo tornar-se no mais eficaz do mercado.

O desafio foi aliciante e, pouco tempo depois, deu origem a um novo produto: o submarino.

A norte-americana Triton Submarines quis expandir o mercado e chegar ao cliente mais requintado e luxuoso e, por isso, pediu à Aston que desenhasse um submarino com as características dos carros da marca: com um design único, elegante e requintado.

O desafio foi aceite e nasceu assim o submergível, conhecido como projeto Neptuno.

Este é um veículo, a ser produzido em quantidade limitada, com capacidade para levar até 500 metros de profundidade três pessoas: um piloto e dois passageiros. A navegar no fundo do mar podem ficar até 12 horas.

Comentários

Veja mais