Bell notification
Deseja receber notificações
autoportal.iol.pt
Permitir
Anular

Efeméride: há 100 anos a Mazda era um produtor de cortiça

  • Redação Autoportal
Mazda comemora os 100 anos de vida
Modelos que marcam os 100 anos de história da Mazda
Marca nipónica comemora o centenário de olhos postos no futuro

A Mazda celebra esta quinta-feira o seu 100º aniversário, com uma cerimonia que pretende relembrar o seu passado e olhar para o seu futuro.

Ao longo de 100 anos de vida a Mazda tornou-se na primeira marca asiática a vencer Le Mans, em 1991, lançou comercialmente o motor rotativo no icónico Cosmo Sport 110S, criou o Mazda MX-5, o roadster de 2 lugares de referencia mundial e mais recentemente introduziu no mercado o bloco Skyactiv-X, aquele que é o primeiro motor a gasolina de ignição por compressão.

Longe vão os tempos em que Mazda era apenas um simples produtor de cortiça de Hiroshima.

A chegada de Jujiro Matsuda ao comando da empresa em 1921, acabou por transformar o negócio, primeiro num produtor de máquinas e ferramentas e depois num fabricante de veículos, como o conhecemos atualmente.

O primeiro modelo produzido pela marca nipónica foi o Mazda-Go, um pequeno camião de três rodas, que chegou ao mercado em 1931. Popularizando-se e passando por melhorias contínuas, recebeu, por exemplo, em 1938, uma inovadora transmissão de 4 velocidades, que permitiu reduzir os seus consumos em 20 por cento. Finda a Segunda Guerra Mundial, o fabrico de camiões voltaria a arrancar poucos meses após o bombardeio atómico de Hiroshima.

Os veículos comerciais permaneceram o foco da empresa após o conflito bélico, até que em 1960 a marca produziu o seu primeiro automóvel de passageiros, o Mazda R360, modelo que permitiu lançar as bases do que é hoje referido como segmento “kei-car” japonês, abrindo caminho a toda uma gama bem sucedida de automóveis Mazda, entre os quais os que hoje estão em circulação.

Um novo capitulo na história da marca surge em 1961, quando a Mazda assina um acordo de licenciamento com o construtor alemão NSU para desenvolver e produzir os seus novos motores Wankel, compactos e leves. Dessa forma em 1967, surgia o futurista Mazda Cosmo Sport 110S, tornando-se no primeiro modelo de produção do mundo dotado de um motor rotativo.

Este momento foi o início de uma história de sucesso que permitiu à Mazda lançar muitos outros modelos, incluindo o Mazda RX-7, comercializando cerca de dois milhões de veículos equipados com motores rotativos, ao longo dos anos que se seguiram.

A paixão da Mazda pelos automóveis e pelo prazer da condução ganha um novo estatuto com a chegada do popular Mazda MX-5 em 1989.

Numa época em que os descapotáveis de dois lugares estavam praticamente extintos, a Mazda conseguiu criar um modelo que se tornou num verdadeiro best-seller.

Quatro gerações mais tarde, o Mazda MX-5 continua a ser o roadster mais vendido da história, tendo superado em 2016 a fasquia de um milhão de unidades produzidas.

Para os próximos 100 anos, a Mazda aposta forte numa gama de viaturas projectadas segundo a linguagem design Kodo - A Alma do Movimento e na mobilidade elétrica.

O recente lançamento do seu primeiro veículo eléctrico, o Mazda MX-30 é disso exemplo, já que se trata de um modelo direcionado ao futuro, mas que respeita o passado da Mazda, fruto de um habitáculo onde está presente a cortiça portuguesa, agora numa variante mais ecológica, de forma a lembrar a história da marca.

  • TEMAS:
  • Mazda

  • Mazda-Go

  • Mazda R360

Veja mais