GNR coloca Nissan GT-R apreendido ao serviço do transporte de órgãos

  • Redação Autoportal
  • 20 mar, 14:29
Nissan GT-R Black Edition para transporte de órgãos (reprodução Facebook GNR)
Nissan GT-R Black Edition para transporte de órgãos (reprodução Facebook GNR)

Viatura foi apreendida e reverteu a favor da coorporação para salvar vidas

A Guarda Nacional Republicana recebeu no seu parque automóvel duas novas viaturas de alta cilindrada que vão ser colocadas ao serviço do salvamento de vidas, nomeadamente, sendo utilizadas para o transporte de órgão.

Os carros em questão são um Mercedes CLS e um Nissan GT-R Black Edition, cujos argumentos do 3,8 litros V6 biturbo com uma potência na ordem dos 480 cv serão uma ajuda preciosa para uma função que depende da rapidez com que é conseguida.

PUB

Estas duas viaturas reverteram a favor da GNR depois de terem sido apreendidas em processos-crime e vão agora ser utilizadas, em Lisboa e no Porto, para reforçar o transporte urgente de órgãos. Nos últimos dez anos, a Guarda realizou mais de 2.800 transportes de órgãos percorrendo mais de meio milhão de quilómetros.

No post seguinte pode ver a reportagem da «TVI junto da GNR e dos dois novos carros.

Continuar a ler

RELACIONADOS

O que tem de ser tem muita força: a 230 km/h num Huracán para salvar vidas

Saiba onde estarão os radares em março, pois «quem o avisa...»

COMPUTADOR DE BORDO

Saiba como deve circular em rotundas de forma correta

Fique a saber como são as novas cartas de condução

Descontos nas portagens das ex-Scut de Algarve e Interior vão até aos 55%

VEJA MAIS

MAIS LIDAS