A Skoda fez um restauro incrível num dos mais fabulosos modelos da sua história

  • Redação Autoportal
  • 18 fev, 10:45

Para comemorar os 120 anos da Skoda Motorsport, a marca restaurou um icónico Skoda 1100 OHC Coupé

O mundo automóvel está totalmente focado num novo mundo eletrificado e sustentável, mas ainda há marcas que não arquivaram a sua história e que conseguem dedicar o trabalho de algumas das suas equipas a privilegiar o estado de conservação de tudo o que está para trás. É o caso do restauro quase perfeito do Skoda 1100 OHC Coupé levado a cabo pelos trabalhadores do museu da marca.

O Skoda 1100 OHC Roadster de competição do final dos anos 50 foi desenvolvido para as provas de resistência em circuito e foram construídas apenas duas unidades, que ainda se mantêm preservadas atualmente. Mas mesmo a começar a década de 60, os engenheiros da Skoda Motorsport também desenvolveram duas unidades deste modelo com uma carroçaria fechada, que incluía uma nova suspensão e outras melhorias, num conjunto total que pesava apenas 555 quilos.

PUB

O motor de quatro cilindros naturalmente aspirado estava instalado numa posição central dianteira e contava com uma potência máxima de 92 cavalos às 7.700 rpm conseguindo levar este Skoda até aos 200 km/h. E em conjunto com a nova suspensão, o comportamento dinâmico também era muito bom.

PUB

Os dois Coupé foram usados entre 1960 e 1962, mas quatro anos mais tarde acabaram por ser vendidos a clientes privados, uma vez que já não poderiam ser usados em competição devido a alterações nos regulamentos. Uns tempos mais tarde, infelizmente, ambos os Coupé ficaram totalmente destruídos em acidentes.

Do primeiro, foram aproveitados alguns componentes e também o motor. E do segundo, que acabou envolto em chamas, conseguiu-se aproveitar o eixo traseiro com a caixa de velocidades. Para completar a lista de peças, a Skoda conseguiu adquirir a um colecionador privado, em 2014, a estrutura de um dos carros (cortada em três peças), bem como o eixo dianteiro e outras peças.

PUB

Com todos estes componentes colecionados ao longo dos últimos anos e com a ajuda de toda a documentação original, que faz parte do museu da marca, foi possível reconstruir este modelo da melhor forma possível usando tecnologias atuais com o objetivo de o deixar o mais próximo do estado original. Os componentes mecânicos praticamente não tinham desgaste pois foram usados durante pouco tempo, mas tanto o radiador como o depósito de combustível tiveram de ser construídos de novo.

PUB

O mais complicado foi mesmo a carroçaria construída em alumínio. Para a sua construção, o departamento de protótipos da marca usou os desenhos 2D para criar uma maquete tridimensional e, depois de comparada com imagens da época, foi alcançado o resultado desejado, que acabou por ser construído de uma forma artesanal. O resultado final, como não poderia deixar de ser, é brilhante e perfeito para comemorar os 120 anos da Skoda Motorsport.

Continuar a ler

RELACIONADOS

Skoda mostra os primeiros esboços da nova geração do Karoq

Skoda revela como vai ser o Enyaq Coupé iV

Alunos da Skoda transformam um Kamiq num modelo de competição

COMPUTADOR DE BORDO

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

Detetores de radar de velocidade à venda na internet. Legais ou ilegais?

Governo alega “questões técnicas”: veículos elétricos sem direito a descontos nas SCUT

VEJA MAIS

MAIS LIDAS