PUB

Tem a certeza de que faz o transporte de crianças como deve ser?

  • Redação Autoportal
Transporte de crianças
Transporte de crianças
Saiba quais são os procedimentos corretos para fazer em segurança o transporte de crianças no carro

Com as aulas de regresso, o transporte das crianças na ida e volta para a Escola volta a ser um dos hábitos diários no que respeita às viagens de carro incluindo pais e filhos. Mas, em aulas ou em férias, ou num simples fim de semana, a preservação da segurança dos passageiros mais pequenos em cadeiras tem obrigatoriamente de ficar garantida.

E para que tudo corra pelo melhor no correto e seguro transporte de crianças no carro é essencial que tudo comece bem; nomeadamente, assim que elas entram no veículo.

Desde logo, é fundamental ter instalada a cadeira obrigatória correta, mas, depois, para além disso, fazer o uso devido dos sistemas de retenção para crianças (SRC) adequados a esta função.

Segundo refere o Automóvel Clube de Portugal (ACP) no âmbito do seu exame anual ao SRC, as cadeirinhas são “a medida de segurança mais importante nos automóveis” para o transporte de crianças reduzindo “em 75% a probabilidade de morte” e em “90% a das lesões” em caso acidente.

Com a ajuda da Seat, enumeramos 10 procedimentos essenciais a ter no transporte de crianças no carro para que elas viajem em segurança – com uma posterior demonstração resumida em vídeo do que deve fazer-se ou evitar-se.

Aqui ficam 10 dicas essenciais para o transporte de crianças:

1. A cadeira deve ter a altura e o peso certos;

2. Fazer o transporte sempre nos bancos traseiros;

3. Certificar-se de que a fixação está correta;

4. Verificar se o cinto de segurança está bem apertado;

5. Ter a cadeira em contramarcha o máximo de tempo possível;

6. Não negligenciar as viagens curtas;

7. Sentar as crianças sem casacos nem mochilas;

8. Colocar todos os objetos no porta bagagens;

9. Dar o exemplo às crianças (no uso do cinto de segurança, por ex.);

10. Em caso de acidente, as crianças devem ser retiradas na cadeira sempre que possível.

Tamanhos e Isofix

Recorrendo ao exame anual do ACP, frisa-se que o lugar mais seguro para o transporte de crianças no carro é, preferencialmente com Isofix, o banco traseiro – incluindo as cadeiras para os bebés até aos 15 meses de idade, pois a não desativação do airbag no banco da frente pode colocá-las em “perigo extremo”.

Até (pelo menos) aos 15 meses de idade, as cadeiras têm de estar viradas para a retaguarda com as costas viradas para o sentido da estrada – por causa do peso da cabeça dos bebés, nessa idade, em relação ao resto do seu corpo e à fragilidade do seu pescoço.

Deixando a cadeira I-Size (virada de costas, até aos 15 meses), o critério que prevalece na classificação dos grupos de crianças para a seleção da cadeira obrigatória é o do peso – mesmo que a altura da criança tenha de ser também considerada. Aqui reproduzimos uma infografia do ACP quanto aos grupos.

(Fonte: ACP)

Como se disse, a zona preferencial do carro para fazer o transporte de crianças é o banco traseiro (idealmente o do meio – ou, em alternativa, atrás do passageiro da frente) prendendo a cadeira com um cinto de três pontos ou, preferencialmente, com o sistema Isofix.

O Isofix é um SRC de padrão internacional que tem dois pontos de fixação (entre o assento e o encosto do banco) presos à estrutura do veículo nos quais se encaixam dois respetivos engates da cadeira – que pode ser reforçado por um terceiro engate (quando existente) a partir (por exemplo) do teto do veículo.

  • TEMAS:
  • Transporte de criancas

  • Transporte de criancas no carro

  • Dicas transporte de criancas

Veja mais