Sergey Sirotkin: “Ainda não acredito que vou deixar a F1”

  • Redação Autoportal
Sergey Sirotkin (Williams F1)
Sergey Sirotkin (Williams F1)

O jovem piloto russo, Sergey Sirotkin, vai deixar a Fórmula 1 após a corrida do próximo domingo em Abu Dhabi.

Sirotkin vai ceder o seu lugar na equipa da Williams ao polaco Robert Kubica, que esta quinta-feira foi anunciado como piloto da equipa britânica para 2019, fazendo dupla com George Russell.

"Fui informado pela equipa na quarta-feira à noite sobre o que se estava a passar, mas já na semana passada tive algumas conversas nesse sentido", afirmou Sirotkin aos jornalistas em Abu Dhabi.

“Eu ainda não consigo acreditar que vou deixar a Fórmula 1. É um momento difícil para mim”, acrescentou o piloto russo que vai fazer a última corrida na Fórmula 1 no próximo domingo no Circuito Yas Marina.

Ao longo da temporada que termina no próximo fim de semana em Abu Dhabi, Sergey Sirotkin pontuou apenas por uma vez ao terminar o GP da Itália na décima posição, ocupando por isso o 20.º lugar do campeonato com 1 ponto.

VEJA TAMBÉM:

Comentários

Veja mais