Dovizioso: “Se tivesse 9 títulos aos 40 anos como Rossi já não estava no MotoGP”

  • Redação Autoportal
Andrea Dovizioso (Ducati)
Andrea Dovizioso (Ducati)
Futuro do piloto da Ducati não passa por correr no MotoGP

Andrea Dovizioso acredita que não vai estar no MotoGP até aos 40 anos, como é o caso do seu compatriota da Yamaha Valentino Rossi.

Com 33 anos de idade, o piloto da Ducati diz que existem outras prioridades para o seu futuro, que não passam por correr no MotoGP.

“Eu tenho de tirar o chapéu ao desejo do Valentino de continuar a competir com pilotos mais jovens e correr parece ser tudo para ele. Cada pessoa vive a sua vida do modo que entender e eu não penso que não vou correr até aos 40 anos porque tenho outras prioridades”, sublinhou Dovizioso aos jornalistas num evento da Ducati.

O atual líder do campeonato do mundo de MotoGP não escondeu que se tivesse na posição de Rossi já teria deixado a competição.

“Se tivesse nove títulos aos 40 anos como o Rossi já não estava no MotoGP. Cada um tem os seus projetos e desejos. Isso é bom para o Valentino, ele mudou a sua mentalidade e foi inteligente em fazer isso. Percebeu que não podia encarar as derrotas da mesma maneira e nos últimos dois anos e meio conseguiu lidar com um piloto forte como Maverick Viñales”, concluiu Dovizioso.

  • TEMAS:
  • MotoGP

  • Andrea Dovizioso

  • Valentino Rossi

Veja mais